PF cumpre 12 mandados em 2ª fase de operação contra fraudes em licitações na PB

PUBLICIDADE NFAR


PF cumpre 12 mandados em 2ª fase de operação contra fraudes em licitações na PB


O mandados expedidos pela Justiça Federal são cumpridos em João Pessoa e Patos, no Sertão paraibano.

A Polícia Federal (PF) cumpre seis mandados de prisão preventiva, cinco de 
busca e apreensão e um sequestro de bens na manhã desta terça-feira (11), nas cidades de João Pessoa e Patos, no Sertão paraibano.
As ordens judiciais foram expedidas pela 14ª Vara Federal em Patos e buscam desarticular um esquema responsável por fraudar licitações públicas em diversos municípios da Paraíba, Ceará, Pernambuco, Alagoas e Rio Grande do Norte, desviando recursos públicos em favor próprio e de terceiros, fraudando também os fiscos federal e estadual.
A segunda fase da Operação Recidiva é realizada em conjunto com o Ministério Público Federal e o Ministério da Transparência e Controladoria-Geral da União (CGU). De acordo com a PF, após a primeira fase das prisões e apreensões realizadas em novembro, os investigados estavam destruindo e ocultando provas deliberadamente para atrapalhar a investigação criminal.
A Polícia Federal comprovou a falsificação de documentos do acervo técnico das empresas para participar fraudulentamente de licitações, através de atestados/certidões falsos emitidos por engenheiros das empresas investigadas.
Os crimes apurados nesta operação são os de corrupção, lavagem de dinheiro,
organização criminosa, fraude a licitação, falsidade ideológica entre outros.
No mês passado - Na primeira fase da operação foram cumpridos oito mandados de prisão temporária, sete de prisão preventiva, 27 de busca e apreensão e 17 sequestro de bens, nas cidades de  João Pessoa, Barra de Santa Rosa, Brejo do Cruz, Emas, Imaculada, Juru, Patos, São José do Bonfim, São Sebastião de Lagoa de Roça e Teixeira, além de Fortaleza e Quiterianópolis no estado do Ceará.

Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem

PUBLICIDADE


PUBLICIDADE