((Web Rádio)) Paraíba News ((Ao Vivo))

Últimas Notícias

Livro escrito por brasileira é uma das apostas de lançamento da editora Chiado no Brasil

Com temática feminina, a história de ficção traz importantes reflexões sobre a sensação de se sentir quebrado, muito comum entre milhares de seres humanos

Qual o ser humano que tem se aventurado nessa busca por saber sobre si? - É assim que a sinopse do livro Mulher Quebrada apresenta a obra.
O processo de libertação de uma personagem que literalmente começa a história em pedaços é o principal elemento da obra que será lançada oficialmente no dia 4 de abril, no tradicional museu Casa das Rosas em São Paulo. O livro também ficará exposto na Livraria Chiado, na Avenida da Liberdade, em Lisboa, no mês de lançamento.
Escrito pela autora e jornalista Daiana Barasa em parceria com a Chiado Editora, a obra dividida em sete capítulos relata a busca de um ser feminino por respostas sobre si mesma.
“Essa mulher vivia seus dias com a sensação de apenas estar sobrevivendo, ao mesmo tempo sentia uma necessidade extrema de pela primeira vez experimentar a sensação de ser quem é, de assumir a si mesma no mundo, em uma sociedade que ela estava cansada de observar", conforme trecho do livro.
O livro mescla literatura e poesia e traz importantes reflexões sobre o existir para si e o existir para a sociedade. A vida como resultado de escolhas e obra de coragem é mostrada por meio de personagem sem nome, tratada na história como Mulher Quebrada, mas que pode representar qualquer ser humano no mundo, que já se sentiu ou está quebrado, principalmente por querer atender às expectativas sociais ao invés de atender ao chamado da própria alma, de ser, primeiramente em si mesmo.
 
Daiana Barasa é jornalista e escritora, também autora da obra Na atemporalidade das palavras - o brio, o vento e o talvez pela Cia do eBook. Mantém o blog de seu livro Mulher Quebrada e acredita na literatura como força que pode salvar almas da escuridão.
Postar um comentário