((Web Rádio)) Marcação FM

Últimas Notícias

ONG é suspeita de maltratar crianças com cipó e cabo de vassoura, em João Pessoa

O Ministério Público da Paraíba (MPPB), por meio da Promotoria de Justiça da Criança e do Adolescente da Capital, divulgou nesta segunda-feira (30) que ajuizou uma representação administrativa, com pedido de liminar, contra a diretora e duas pessoas que atuam como “mães sociais” da Aldeia SOS, que fica no bairro de Mangabeira, em João Pessoa. Segundo o MPPB, elas são acusadas de cometer maus-tratos contra os acolhidos na instituição, localizada à Avenida Hilton Souto Maior, 555. A direção da Aldeia SOS em João Pessoa disse ao Portal Correio que não foi notificada sobre a denúncia, até as 11h30 desta segunda (30).

Postar um comentário