((Web Rádio)) Marcação FM

Últimas Notícias

Mesmo em greve, servidores da UFPB estariam recebendo salários; MPT diz que é ilegal

MPT abriu uma representação contra a reitora da instituição para que a Procuradoria da República na Paraíba investigue se há irregularidades na greve
O Ministério Público do Trabalho na Paraíba (MPT-PB) entrou com uma representação na Procuradoria da República na Paraíba contra a reitora da Universidade Federal da Paraíba (UFPB), Margareth Diniz e o pró-reitor de gestão de pessoas, Francisco Ramalho, para investigar se eles estão mantendo normais vencimentos e o ponto de servidores, mesmo com a greve que já dura quatro meses.
Postar um comentário